terça-feira, 10 de novembro de 2009

Lutas Diárias


Conta a lenda que um homem ficou horas observando o esforço de uma borboleta para passar o corpo pela pequena abertura do casulo. Num certo momento, parecia que ela havia chegado até onde podia e não tinha mais forças.

Então, ele decidiu ajudá-la: pegou uma tesoura e retirou o que restava do casulo. Assim, a borboleta apareceu facilmente, mas seu corpo estava inchado e as asas, enrugadas. Ele continuou a olhá-la, esperando que suas asas crescessem e se expandissem. Mas isso não aconteceu. Aliás, a borboleta passou o resto da vida se arrastando com o corpo inchado e as asas, enrugadas. Ela nunca conseguiu voar.

O que o homem não conseguiu perceber é que a luta da borboleta para sair do casulo é o modo que a natureza encontrou de fazer o fluido do seu corpo passar para as asas e, assim, prepará-la para voar livremente.

Lembre-se sempre: receber tudo de mãos beijadas não é tão bom assim. As lutas de todo dia são necessárias na nossa existência. Afinal, não seríamos fortes o suficiente e nunca poderíamos voar se não sentíssemos o gosto da batalha e da conquista.


*Karla Precioso, jornalista

3 comentários:

  1. Nosso novo orkut: Clica aqui!


    Vamos sortear 10 convites para o novo orkut.


    Inscreva-se!



    Obs: Válido somente para quem vai participar da blogagem coletiva



    -

    ResponderExcluir
  2. Cris adorei o post.....Ahaa Dona Cris você e esses seus posts que faz a gente parar e refletir....rsrsrs.

    Sério Cris sempre que leio o seu blog conserto algo dentro de mim.

    Beijos!!!

    Ná!

    ResponderExcluir
  3. já conhecia o texto mas adorei reler..

    ResponderExcluir

A moderação é simples controle...assim posso responder quando você me escrever!!